Header Ads

Barack Obama revela que estava falido [Saiba Mais...]

Barack Obama admitiu que anos antes de se tornar Presidente dos Estados Unidos estava falido e a pensar em desistir da vida política.
O ainda Presidente dos EUA fez estas revelações numa entrevista a David Axelrod, um dos seus antigos directores de campanha, para o programa “The Axe Files”, produzido pelo Instituto Político da Universidade de Chicago e pela CNN.
Numa conversa em que falava sobre os melhores momentos da sua carreira política e como Presidente, Obama relembrou também os momentos decisivos menos bons. Um deles, que o marcou profundamente pela negativa, foi no ano 2000, quatro anos antes de Barack Obama ser o orador principal da Convenção Nacional do Partido Democrata de 2004 e oito anos antes de ser Presidente. Obama estava falido, pois tinha gasto todo o dinheiro numa campanha para as eleições primárias para a candidatura ao Congresso pelo Illinois. Obama perdeu as eleições e o dinheiro investido.Desmotivado, sem dinheiro, com uma filha e a mulher grávida, Obama colocou a hipótese de abandonar a vida política. Para o animar, um amigo propôs-lhe que fossem à Convenção Nacional do Partido Democrata em Los Angeles durante o fim de semana, dizendo que estar com pessoas com os mesmos ideais políticos poderia ser bom.Obama lá foi, apanhando o voo mais barato, e quando chegou a Los Angeles e tentou alugar um carro o seu cartão de crédito foi rejeitado. “Já não tinha dinheiro”, diz o Presidente.
O Presidente acabou por conseguir chegar ao hotel onde o amigo estava hospedado, recebendo então o passe de entrada para a Convenção. Infelizmente, este passe só dava acesso aos corredores, ao “arco à volta do auditório”, e por isso Obama não conseguiu ver nada do que se passava.
Para piorar a situação, o amigo de Obama tentou levá-lo às festas e encontros que se realizam depois da Convenção, mas os seguranças dos locais não o deixaram entrar porque o seu nome não estava na lista. “Senti que não fazia parte daquilo tudo”, explica Obama. “Acabei por ir-me embora mais cedo e naquela altura comecei mesmo a questionar-me se devia mesmo estar na política.”
O Presidente lembrou ainda o momento em que ligou para David Axelrod, em 2002, e lhe disse que iria concorrer para o Senado em Illinois e que, se não vencesse, desistia da política.David Axelrod confessou que não acreditava que um homem negro chamado Barack pudesse ganhar a corrida ao Senado, mas foi o que aconteceu.
Dois anos depois, em 2004, Obama venceu a eleição às eleições primárias ao Senado e voltou à convenção democrata, mas desta vez conseguiu ver tudo, pois estava no palco. O na altura senador foi o orador principal do evento e o seu discurso ajudou-o a ganhar mais prestígio dentro do partido. Ele tornou-se senador no final desse ano e, em 2008, tornou-se o Presidente dos Estados Unidos, ficando rico.
“Se tivesses ganho aquela eleição não estaríamos sentados na sala Roosevelt (na Casa Branca)”, disse David Axelrod.



Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.